Anomalias Magnéticas

No livro “The Fog: A Never Before Published Theory os The Triangle Phenomenon” relata a historia de RobMacGregor e Bruce Gernon, esse relato fala sobre uma neblina eletrônica que os RobMacGregor e Bruce Gernon viram passando no Triângulo das Bermudas.
No dia 4 de dezembro de 1970, os dois voavam para Bimini em um dia de céu claro, eles viram uma nuvem estranha com extremidades arredondadas, chegando a ser quase perfeitamente arredondada. E ao voar sobre ela, ela começou a se espalhar, igualando chegando a ultrapassar a velocidade do avião. Quando eles chegaram à cerca de 3.505 metros de altura, pensaram que tinham desviado da nuvem, mas não, a nuvem formou um  “túnel” e concluíram que teriam que passar todo o “túnel” para se livrar da nuvem, e quando estavam dentro viram linhas nas paredes que giravam no sentido anti-horário, a bússola também girava no sentido anti-horário e nada funcionava.
Gernon disse que tinha percebido algo estranho, pois ao chegar no final do “túnel”, não conseguiu ver o céu azul e limpo, tudo parecia branco acinzentado, e não havia nada para ver no, não se dava para ver o mar, horizonte nem mesmo o céu.

Quando Gernon entrou em contato com o controle de tráfego aéreo de Miami para obter uma identificação de radar, o controlador disse que não havia aviões aparecendo no radar entre as regiões de Miami, Bimini e Andros. Após um tempo Gernon  recebeu uma mensagem do controlador dizendo que um avião havia acabado de aparecer diretamente sobre Miami. Gernon não achou que poderia estar sobre Miami Beach, já que para chegar a Miami levaria 75 minutos e só tinham passado 47 minutos desde o início do incidente. Mas nesse mesmo momento, o túnel começou a se desfazer no que ele descreveu como tiras de neblina. E mais, os instrumentos começaram a operar normalmente e viram Miami Beach logo abaixo deles. E foi essa passagem de tempo, confirmada por seus relógios e pelo relógio do avião, que levou Gernon a acreditar que a neblina eletrônica possuía características relativas a viagens no tempo.

O interessante é que Gernon passou por essa experiência mais uma vez enquanto voava com sua mulher e muitos outros pilotos também tiveram essa experiência ou parecidas ao voar sobre a área. Gernon diz acreditar que as potentes tempestades eletromagnéticas que ocorrem no interior da Terra passam através da superfície e atingem a atmosfera, onde logo desaparecem, deixando essa neblina elétrica. E ainda de acordo com Gernon, um cientista suíço descobriu que o magnetismo é mais fraco no triângulo do que em qualquer outro lugar da Terra, uma possível explicação para essa neblina ocorrer mais lá do que em qualquer outro lugar.

3 Respostas to “Anomalias Magnéticas”

  1. Caro colega!! achei seu site legal . Teve um cientista que escreve uma Teoria aplicado aos aviões. Ela se encontra no links abaixo:

    Leitura:

    Download:

    http://www.4shared.com/file/111224052/82504f2c/Teoria_sobre_o_Tringulo_das_Bermudas.html

    Parabens pelo site

  2. Ola, peguei sua postagem de “Anomálias Magneticas” para ajudar em uma postagem sobre os Mistérios do Triangulos da Bermudas. Se caso vc num permitir eu deletarei a parte que lhe convém!
    Espero resposta.

  3. Gostei bastante do seu site e vi um documentário sobre isso muito legal e mais de um homem passou por isso… um passou por isso em Mil novecentos e vinte e poucos e contou sobre isso só depois … Obrigado espero uma resposta.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: